sábado, 30 de junho de 2012

IVANILDO FERNANDES DE OLIVEIRA, ATUAL PREFEITO DE BENTO FERNANDES


NATURAL DE TAIPU-RN, NASCIDO A 4 DE JUNHO DE 1954, ATUAL PREFEITO DE BENTO FERNANDES-RN, ELEITO EM 5 DE OUTUBRO DE 2008, COM2216 VOTOS, DERROTANDO SEUS CONCORRENTES JOÃO MARIA FERREIRA DA SILVA, COM 1277 VOTOS E CLÓVIS TEIXEIRA DA SILVA, QUE OBTEVE 190 SUFRÁGIOS

ARMANDO EMIDIO DA CÂMARA

NATURAL DE MACAU-RN, NASCIDO A 4 DE JUNHO DE 1931, PREFEITO DE BENTO FERNANDES -RN, ELEITO EM 3 DE OUTUBRO DE 1996, TOMOU POSSE EM 1º DE JUNHO DE 1997 E GOVERNOU ATÉ 31 DE DEZEMBRO DE 2000. ROSA MARIA DE PAIVA DE OLIVEIRA FOI SUA VICE PREFEITA

quinta-feira, 27 de maio de 2010

HISTÓRICO DE BENTO FERNANDES-RN

Barreto, primitivo nome do município, denominava localidade e riacho, sendo seu topônimo originário de antigo posseiro, tido como fundador da situação, de quem ignora maiores vestígios históricos.

Um grande animador da povoação de Barreto, foi o senhor do Engenho Carnaubal, no Ceará-Mirim, Carlos Augusto Carrilho de Vasconcelos, erguendo a capela de São Sebastião, ativando a produção agrícola pelas compras e auxílios financeiros e construíndo uma escola.

Atual nome do município, foi dado em homenagem a Bento Fernandes de Macedo, o qual era agricultor nas campinas, com uma numerosa família de 18 filhos, honesta, laboriosa e dedicada, justificando-lhe a simpatia local. Velho delegado de polícia, morreu assassinado em maio de 1925, ao tentar debelar um tumulto, provocado por forasteiro durante festividade religiosa. A capelinha diante da qual foi morto, a Capela do Sagrado Coração de Jesus, ainda existe, embora em situação precária.

Gentílico: bento-fernandense

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Barreto ex-povoado, pela lei estadual nº 2328, de 17-12-1958, subordinado ao município de Taipu.

Elevado à categoria de município com a denominação de Barreto, pela lei estadual nº 2353-A, de 31-12-1958, desmembrado de Taipu. Sede no atual distrito de Barreto ex-povoado. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-1959.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede. Pela lei estadual nº 2889, de 25-06-1963, é criado o distrito de Belo Horizonte e anexado ao município de Barreto. Em divisão territorial datada de 1-XII-1963, o município é constituído de 2 distritos: Barreto e Belo Horizonte. Pela lei estadual nº 3506, de 16-10-1967, o município de Barreto passou a denominar-se Bento Fernandes. Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o município é constituído de 2 distritos: Bento Fernandes e Belo Horizonte. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração toponímica distrital

Barreto para Bento Fernandes alterado, pela lei estadual nº 3506, de 16-10-1967.

FONTE - IBGE

PREFEITOS DE BENTO FERNANDES

Jaime Ferreira de Andrade

Eleito em 15/11/1972

Joana Ferreira da Cruz

Eleita em 15/11/1976

VICE – José Pinheiro da SILVA

Jaime Vitorino

Eleito em 15/11/1982

José Robenilson Ferreira

Eleito em 15/11/1982

Jaime Ferreira de Andrade, 2ª vez

Eleito em 03/10/1992

Armando emídio da Câmara

Eleito em 03/10/1996

VICE – Rosa Maria de Paiva de Oliveira

José Robenilson Ferreira

Eleito em 01/10/2000

José Robenilson Ferreira – 3º mandato

Reeleito em 03/10/2004

Natural de Monte Alegre-RN, nascido a 2 de novembro de 1963, filho de Solon Ferreira da Silva e dse VALDIRA Freire da Silva. Ingressou na política em 1988, quando em 15 de novembro foi eleito prefeito de Bento Fernandes. Em 1º de outubro de 2000 conquistou seu segundo mandato. Em 3 de outubro de 2004, foi reeleito e assim, conquistando seu terceiro mandato como chefe do executivo do município de Bento Fernandes-RN

INFORMAÇÕES DO MUNICÍPIO DE BENTO FERNANDES-RN

Descição Detalhada dos Campos:

Dados Básicos

  1. População: Contagem da População 2007
  2. Área: Área da unidade territorial (km²)
  3. Bioma: (IBGE)
  4. Data de Instalação: Legislação Municipal Municípos Vigente (IBGE)
  5. Município de Origem: Legislação Municipal Municípos Vigente (IBGE)

Localização da Sede

  1. IBGE

Evolução Populacional

  1. População Residente (pessoas): Censo Demográfico 1991 (IBGE)
  2. População Residente (pessoas): Contagem Populacional 1996 (IBGE)
  3. População Residente (pessoas): Censo Demográfico 2000 (IBGE)
  4. População Residente (pessoas): Contagem Populacional 2007 (IBGE)

Pirâmide Etária

  1. População Residente (pessoas): Censo Demográfico 2000 (IBGE)

Casamentos

  1. Casamentos - registrados no ano - lugar do registro
  2. Separações judiciais - concedidas no ano - em 1a instancia - lugar da acao do processo
  3. Divórcios - concedidos no ano - em 1a instancia - lugar da acao do processo

Fonte: IBGE,Estatística do Registro Civil de 2008. Rio de Janeiro: IBGE, 2009. NOTA 1: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável. NOTA 2: Nos totais das Unidades da Federação e Brasil, não foram incluídas as informações das variáveis de Sem especificações, Ignorados e Estrangeiros.

Despesas e Receitas orçamentárias

  1. Receitas orçamentárias realizadas - Correntes
  2. Despesas orçamentárias realizadas - Correntes

Fontes: Ministério da Fazenda, Secretaria do Tesouro Nacional, Registros Administrativos 2007. NOTA 1: Os totais de Brasil e Unidades da Federação são a soma dos valores dos municípios. NOTA 2: Atribui-se a expressão dado não informado às variáveis onde os valores dos municípios não foram informados. NOTA 3: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável.

Docentes

  1. Docentes - Ensino fundamental - 2008 (1)
  2. Docentes - Ensino médio - 2008 (1)
  3. Docentes - Ensino pré-escolar - 2008 (1)

Fontes: (1)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2008; (2)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo da Educação Superior 2007; NOTA: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável.

Escolas

  1. Escolas - Ensino fundamental - 2008 (1)
  2. Escolas - Ensino médio - 2008 (1)
  3. Escolas - Ensino pré-escolar - 2008 (1)

Fontes: (1)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2008; (2)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo da Educação Superior 2007; NOTA: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável.

Matrículas

  1. Matrícula - Ensino fundamental - 2008 (1)
  2. Matrícula - Ensino médio - 2008 (1)
  3. Matrícula - Ensino pré-escolar - 2008 (1)

Fontes: (1)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2008; (2)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo da Educação Superior 2007; NOTA: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável.

Estabelecimentos de Saúde

  1. Estabelecimentos de Saúde público federal
  2. Estabelecimentos de Saúde público estadual
  3. Estabelecimentos de Saúde público municipal
  4. Estabelecimentos de Saúde privado total

Frota Municipal

  1. Automóvel - Tipo de Veículo
  2. Caminhão - Tipo de Veículo
  3. Caminhão trator - Tipo de Veículo
  4. Caminhonete - Tipo de Veículo
  5. Micro-ônibus - Tipo de Veículo
  6. Motocicleta - Tipo de Veículo
  7. Motoneta - Tipo de Veículo
  8. Ônibus - Tipo de Veículo
  9. Trator de rodas - Tipo de Veículo

Morbidades Hospitalares

  1. Homens
  2. Mulheres

Fontes: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2008. NOTA 1: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável. NOTA 2: Atribui-se a expressão dado não informado às variáveis onde os valores dos municípios não foram informados.

PIB

  1. Valor adicionado bruto da agropecuária
  2. Valor adicionado bruto da indústria
  3. Valor adicionado bruto dos serviços

Fonte: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de Contas Nacionais

INFORMAÇÕES DO MUNICÍPIO DE BENTO FERNANDES-RN

Descição Detalhada dos Campos:

Dados Básicos

  1. População: Contagem da População 2007
  2. Área: Área da unidade territorial (km²)
  3. Bioma: (IBGE)
  4. Data de Instalação: Legislação Municipal Municípos Vigente (IBGE)
  5. Município de Origem: Legislação Municipal Municípos Vigente (IBGE)

Localização da Sede

  1. IBGE

Evolução Populacional

  1. População Residente (pessoas): Censo Demográfico 1991 (IBGE)
  2. População Residente (pessoas): Contagem Populacional 1996 (IBGE)
  3. População Residente (pessoas): Censo Demográfico 2000 (IBGE)
  4. População Residente (pessoas): Contagem Populacional 2007 (IBGE)

Pirâmide Etária

  1. População Residente (pessoas): Censo Demográfico 2000 (IBGE)

Casamentos

  1. Casamentos - registrados no ano - lugar do registro
  2. Separações judiciais - concedidas no ano - em 1a instancia - lugar da acao do processo
  3. Divórcios - concedidos no ano - em 1a instancia - lugar da acao do processo

Fonte: IBGE,Estatística do Registro Civil de 2008. Rio de Janeiro: IBGE, 2009. NOTA 1: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável. NOTA 2: Nos totais das Unidades da Federação e Brasil, não foram incluídas as informações das variáveis de Sem especificações, Ignorados e Estrangeiros.

Despesas e Receitas orçamentárias

  1. Receitas orçamentárias realizadas - Correntes
  2. Despesas orçamentárias realizadas - Correntes

Fontes: Ministério da Fazenda, Secretaria do Tesouro Nacional, Registros Administrativos 2007. NOTA 1: Os totais de Brasil e Unidades da Federação são a soma dos valores dos municípios. NOTA 2: Atribui-se a expressão dado não informado às variáveis onde os valores dos municípios não foram informados. NOTA 3: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável.

Docentes

  1. Docentes - Ensino fundamental - 2008 (1)
  2. Docentes - Ensino médio - 2008 (1)
  3. Docentes - Ensino pré-escolar - 2008 (1)

Fontes: (1)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2008; (2)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo da Educação Superior 2007; NOTA: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável.

Escolas

  1. Escolas - Ensino fundamental - 2008 (1)
  2. Escolas - Ensino médio - 2008 (1)
  3. Escolas - Ensino pré-escolar - 2008 (1)

Fontes: (1)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2008; (2)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo da Educação Superior 2007; NOTA: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável.

Matrículas

  1. Matrícula - Ensino fundamental - 2008 (1)
  2. Matrícula - Ensino médio - 2008 (1)
  3. Matrícula - Ensino pré-escolar - 2008 (1)

Fontes: (1)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo Educacional 2008; (2)Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais - INEP - Censo da Educação Superior 2007; NOTA: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável.

Estabelecimentos de Saúde

  1. Estabelecimentos de Saúde público federal
  2. Estabelecimentos de Saúde público estadual
  3. Estabelecimentos de Saúde público municipal
  4. Estabelecimentos de Saúde privado total

Frota Municipal

  1. Automóvel - Tipo de Veículo
  2. Caminhão - Tipo de Veículo
  3. Caminhão trator - Tipo de Veículo
  4. Caminhonete - Tipo de Veículo
  5. Micro-ônibus - Tipo de Veículo
  6. Motocicleta - Tipo de Veículo
  7. Motoneta - Tipo de Veículo
  8. Ônibus - Tipo de Veículo
  9. Trator de rodas - Tipo de Veículo

Morbidades Hospitalares

  1. Homens
  2. Mulheres

Fontes: Ministério da Saúde, Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - DATASUS 2008. NOTA 1: Atribui-se zeros aos valores dos municípios onde não há ocorrência da variável. NOTA 2: Atribui-se a expressão dado não informado às variáveis onde os valores dos municípios não foram informados.

PIB

  1. Valor adicionado bruto da agropecuária
  2. Valor adicionado bruto da indústria
  3. Valor adicionado bruto dos serviços

Fonte: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de Contas Nacionais

OUTRAS INFORMAÇÕES

A sede do município está a 5° 41’ 38” de latitude sul e 35° 49’ 11” de longitude oeste. A altitude é de 111 m acima do nível do mar e a distância rodoviária até a capital é de 88 km. A pluviosidade média aferida no município, segundo o IDEMA é de 522,5 mm.

Ainda de acordo com o IDEMA, o solo da região é do tipo podzólico vermelho amarelo equivalente eutrófico abrúptico plínthico e planossolo solódico. O solo tem aptidão regular para lavouras e para pastagem plantada. Terras aptas para culturas especiais de ciclo longo, tais como algodão arbóreo, sisal, caju e coco.

Quem sou eu

Minha foto
SOU APAIXONADO PELA LEITURA E TENHO A MANIA DE ESCREVER E DE PESQUISAR. AMO A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS, COMO TAMBÉM AMO AO MEU PRÓXIMO COMO AMO A MIM MESMO; SOU MUITO FELIZ PORQUE DESEJO FELICIDADE A TODAS AS PESSOAS, ATÉ MESMO AQUELAS QUE NÃO GOSTA DE MIM; SOU FELIZ PORQUE SOU UM BOM FILHO, BOM ESPOSO E BOM PAI.

PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS

PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS
JOTA MARIA, JOTAEMESHON WHAKYSHON, JULLYETTH BEZERRA E JOTA JÚNIOR, COM 15 BLOGS E 1300 LINKS